icone

Quais os tipos de aposentadoria que existem no Brasil?

Especial, invalidez, idade e tempo de contribuição. Saiba quais os tipos de aposentadoria que existem no Brasil, quem tem direito a receber e quais as regras são exigidas em cada caso.

 

Quais são as formas pelas quais uma pessoa pode se aposentar no Brasil? Tipo, por invalidez, idade, etc. Existem regras específicas para cada tipo de aposentadoria e uso das mesmas? Quem é responsável pelo pagamento dos aposentados no Brasil?

PG – PG

// Respostas

A previdência social é o ministério do governo que cuida do pagamento das aposentadorias, bem como estabelece regras para a concessão dos benefícios à pessoas que gozam dos direitos estabelecidos. Há pelo menos 4 tipos de aposentadorias no Brasil, contudo existem outros tipos de benefícios como é o caso dos auxílios, pensões e salário-família quem não entra é o caso. Os tipos de aposentadoria da Previdência Social são: especial, invalidez, idade e tempo de serviço.

Especial

Este tipo de aposentadoria é concedido em situações especiais e para pessoas que trabalharam com exposição a condições prejudiciais à saúde. Mas há outras exigências, como o tempo mínimo de contribuição e a comprovação de que trabalho de alguma forma exposto a condições prejudiciais que pode ser física, química, biológicos e outros.

Invalidez

Este tipo de aposentadoria é concedido a pessoas que sofreram acidades no trabalho ou foram afetados de doença que o impede de desempenhar seu trabalho e garantir seu sustento. Nesse caso é necessária a perícia médica para comprovar a situação de incapacidade da volta ao trabalho.

Idade

A aposentadoria por idade é destinada a pessoas que contribuíram para a previdência social por pelo menos 15 anos e que tenham 65 anos de idade para homens e 60 anos de idade para mulheres. A regra para os trabalhadores rurais são de 60 anos para homem e 55 para mulheres.

Tempo de serviço

Já este caso é bastante variável as suas regras, pois ele pode ser proporcional ou integral. Geralmente pode aposentar com 35 anos de contribuição para homens e 30 anos para mulheres, isto para integral. A forma proporcional pode ser feita a partir de 53 anos de idade para homens com 30 anos de contribuição e 48 para mulheres com 25 anos de contribuição.

Para as informações detalhadas consulte aqui: http://www.previdencia.gov.br/

 



 

Outras Perguntas Frequentes: