icone

Diferença de união estável, casamento civil e concubinato?

Como entender as diferenças existentes entre união estável, casamento civil e concubinato? Quais são suas características, bem como as diferenças existentes entre eles?

 

Como entender as diferenças existentes entre união estável, casamento civil e concubinato? Quais são suas características, bem como as diferenças existentes entre eles?

PG – PG

// Respostas

No meu ponto de vista, a diferença existente entre a união estável, casamento civil e concubinato é que a união estável é quando há compreensão mútua, diálogo, felicidade, amor, mas não casados, ao passo que o casamento civil e concubinato, envolve um pacto físico entre ambos, e que considera_se uma só pessoa. O concubinato, é quando alguém é casado e pratica atos sexuais fora do casamento…

Hélder Isaac – Luanda/Angola


O casamento é o ato civil e formal celebrado entre um homem e uma mulher perante o juiz em um cartório de registro civil. Do ponto de vista religioso o casamento é a união entre um homem e uma mulher formando um só carne ou uma só pessoa em termos de unanimidade.

A união estável e o concubinato são bem parecidos, pois ambos é a união de duas pessoas de sexo oposto que não são casados legalmente, mas no Brasil o Código Civil separa os dois, sendo a união estável a união de duas pessoas que não tem nenhum impedimento para se casar, enquanto que o concubinato é quando por algum motivo existe o impedimento legal do casamento. Artigos 1.723 a 1.727 do Código Civil.


União estável; Quando o casal assume diante da lei que estão juntos e e partilham dos mesmo direitos de um casamento no civil, embora não altera o estado civil de ambos, partilham dos direitos constitucionais legais do casório.

Casamento no civil; Basicamente, a união de um casal diante da lei com direitos constitucionais. A divisão de bens é opcional tanto no casamento no civil quanto na união estável.

Concubinato; Nesse caso, o casal vive junto (partilham do mesmo lar) mas não ha documentação para registrar o concubinato.

No neste, é de direito de ambos as partes a divisão de bens de tudo que for agregado ao casal durante o o tempo juntos.

silva – goiania



 

Outras Perguntas Frequentes: