icone

Como acessar sites estrangeiros ou de outros países?

Quando navegamos na internet pelos diversos sites, seus endereços ficam registrados nos navegadores que foram usados, como o Google Chrome e Internet Explorer? Se sim, neste caso seria possível ter acesso ao histórico que esses sites produziram para fins de consulta do que foi acessado?

 

Quando navegamos na internet pelos diversos sites, seus endereços ficam registrados nos navegadores que foram usados, como o Google Chrome e Internet Explorer? Se sim, neste caso seria possível ter acesso ao histórico que esses sites produziram para fins de consulta do que foi acessado?

PG – PG

// Respostas

O procedimento para acessar sites estrangeiros é exatamente o mesmo daquele usado para acessar sites locais ou aqui no Brasil. Tecnicamente não há diferença entre uma coisa e outra, pois a internet é global e os recursos são compartilhados da mesma forma em todos os países.

O que existe de diferente são os endereços dos sites também conhecidos como domínios e neste caso existe uma rígida classificação por países e ainda os domínios conhecidos como internacionais ou que não estão associados a nenhum país específico. Desta forma considere o seguinte:

Domínios registrados por países:

.br – Brasil. Todos os domínios ou endereços terminados por .br, como: uol.com.br, perguntaria.com.br, etc

.ar – Argentina

.es – Espanha

.pt – Portugal

.us – Estados Unidos da América

.jp – Japão

.uk – Reino Unido / Inglaterra

.fr – França

.ca – Canadá

Entre outros

Domínios internacionais

.com, .net, .org, etc.

Nesses casos, boa parte dos grandes sites utilizam as terminações internacionais como endereço principal e depois as terminações regionais ou de cada país para os sites específicos. Um bom exemplo é o Google, que utiliza o .com como o site principal e a versão americana e depois os exemplos regionais, como google.com.br, google.es, google.pt, etc.

 



 

Outras Perguntas Frequentes: